29 de junho de 2012

Chris Claremont

Ocupação: roteirista
Ano de nascimento: 1950
Naturalidade: Estados Unidos
Estréia: Começou como foca na Marvel em 1968.
Primeiro êxito com super-heróis: Seu trabalho fundamental na revista The Uncanny X-Men
Grandes trabalhos: Claremont passou mais de 15 anos traçando o destino dos mutantes e dando uma contribuição fundamental para que os X-Men e seus descendentes se tornassem a maior fonte de renda da Marvel. Nesse período, criou os Novos Mutantes, o Excalibur e muitos outros grupos e personagens. Depois que largou os X-Men, Chris fez alguns trabalhos para a Image e, atualmente, vem escrevendo as aventuras do Sovereign Seven, grupo que ele criou para a DC Comics.
Curiosidades: Antes de entrar para os quadrinhos, Claremont sonhava em ser ator, e até estudou em escolas de dramaturgia.

Nascido na Inglaterra em 1950, Christopher S. Claremont adquiriu o hábito de escrever já na infância, criando pequenos contos que raramente eram lidos por alguém. Anos mais tarde, morando nos Estados Unidos, Claremont conseguiu um estágio de dois meses na Marvel Comics. Ali, com apenas 19 anos de idade, publicou seu primeiro trabalho como roteirista de quadrinhos: algumas poucas páginas da revista Sgt. Fury Annual. Ao final de seu estágio, Claremont foi perseguir a carreira de ator, pela qual era apaixonado. Mesmo assim, continuou a vender várias histórias para a Marvel, o que levou a editora a lhe oferecer o cargo de editor-assistente de seus títulos em preto e branco. Seis meses após sua entrada, ele já tinha sido promovido a subeditor pelo chefão da época, Len Wein. Em 1975, Claremont recebeu a tarefa de escrever o título X-Men, relançado após uma fase ruim que quase levou ao seu cancelamento. Junto aos desenhistas Dave Cockrum e John Byrne, Claremont criou na revista uma das maiores e melhores sagas da história dos quadrinhos, dando à Marvel um sucesso de vendas que dura até hoje. Ele também ajudou a criar vários dos títulos relacionados aos X-Men, como X-Factor, New Mutants e Excalibur, chegando a escrever vários deles ao mesmo tempo. Após dezessete anos narrando as aventuras dos mutantes, Claremont saiu da Marvel e começou a fazer trabalhos para editoras como Image e Dark Horse. No momento Chris Claremont está na DC, onde escreve o título Sovereign Seven (Os Sete Supremos), cujos direitos autorais lhe pertencem.